Especiais

Publicações que apresentam pesquisas e ensaios de fôlego, depoimentos e antologias; outras trazem a a produção de jovens pesquisadores ligados às universidades (Coleção Pesquisa).

 

Títulos disponíveis

Do Almanak aos almanaques

Marlyse Meyer (organizadora)

A história dos almanaques é tão antiga quanto a da invenção da arte tipográfica. E quase sempre esse tipo de publicação apresenta graficamente a tendência artística da sua época. Através do diálogo entre texto e grafismo, os almanaques carregam em suas páginas as marcas do tempo social e são fontes inesgotáveis de novas leituras do passado.

Este livro reúne em suas páginas, além de textos de autores especializados nesse tema, imagens dos almanaques que compuseram a exposição “Almanak: uma exposição (1796-2000)”, mostra realizada na Biblioteca Latino-Americana Victor Civita, no período de 28 de outubro a 13 de novembro de 1999, por ocasião do Colóquio Internacional “Os almanaques populares: da Europa às Américas – gênero, circulação e relações interculturais”. Procurou-se passar para o papel o clima da exposição, e tornar acessível àqueles que não a visitaram um panorama da mesma, além de colocar à disposição do público uma obra de referência inédita, que apresenta de forma concisa e ilustrada a história desse que é um dos mais inusitados formatos editoriais, considerado, inclusive, a primeira manifestação cultural popular do mundo.

208 páginas, em formato 18 X 25 cm

São Paulo, Edusp / Memorial.

Preço: *R$ 36,00

À venda em livrarias.

Arquivo do Horror – Documentos secretos da ditadura do Paraguai (1960-1980)

Márcia Guena

Livro-reportagem que mostra uma das faces mais desumanas da ditadura paraguaia, trazendo dados importantes sobre o regime, descobertos em um arquivo secreto na cidade de Lambaré, a 30 quilômetros da capital, Assunção. Capa de Paulo Whitaker. Coleção Pesquisa. 132 p.

São Paulo, Fundação Memorial da América Latina.

Preço: *R$ 11,00

Para adquiri-lo, dirija-se à área de publicações do Memorial da América Latina

editor@memorial.sp.gov.br

Drogas – hegemonia do cinismo

Maurides de Melo Ribeiro e Sérgio Dario Seibel (organizadores)

Este livro aborda de maneira interdisciplinar uma das questões mais polêmicas da sociedade atual: o uso de substâncias psicoativas que rompem os estados “normais” da consciência e abalam as estruturas sociais. Escritos por cientistas sociais, médicos e juristas brasileiros e estrangeiros, os ensaios desvendam os conflitos entre o mundo das drogas e as instituições.

358 páginas, no formato.

São Paulo, Fundação Memorial da América Latina.

Preço: *R$ 32,00

Para adquiri-lo, dirija-se à área de publicações do Memorial da América Latina

editor@memorial.sp.gov.br

Mário na Lopes Chaves

Cristiane Yamada Camara

Ligada ao Instituto de Estudos Brasileiros, da Universidade de São Paulo, a autora revela a importância que a casa de Mário de Andrade teve na vida do escritor, apresentando cartas, crônicas, contos, poemas e entrevistas do poeta. Capa de José Rufino. Coleção Pesquisa. 128 p.

São Paulo, Fundação Memorial da América Latina.

Preço: *R$ 11,00

Para adquiri-lo, dirija-se à área de publicações do Memorial da América Latina

editor@memorial.sp.gov.br

Mário Pedrosa 100 Anos

Reunião de depoimentos sobre o importante crítico das artes plásticas e militante político.

O livro é resultado de uma homenagem ao centenário de Mário Pedrosa, realizada pelo Memorial da América Latina, da qual participaram Aracy Amaral, Daisy Peccinini, Ferreira Gullar, José Castilho, Lélia Abramo e Otília Arantes.

55 páginas, no formato 14 x 21cm.

São Paulo, Fundação Memorial da América Latina.

Preço: *R$ 5,00.

Para adquiri-lo, dirija-se à área de publicações do Memorial da América Latina

editor@memorial.sp.gov.br

A palavra poética na América Latina – Avaliação de uma geração

Horácio Costa (organizador)

Reunindo pela primeira vez dezessete poetas latino-americanos contemporâneos, este volume traz ensaios, depoimentos, poemas, e coloca lado a lado criação poética e reflexão crítica. O seminário que deu origem ao livro, realizado pela Fundação Memorial da América Latina, foi premiado pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) como o Melhor Acontecimento na categoria literatura. 272 páginas, no formato.

São Paulo, Memorial da América Latina. Data??  [verificar]

Preço: *R$ 20,00

Para adquiri-lo, dirija-se à área de publicações do Memorial da América Latina

editor@memorial.sp.gov.br

Cozinha dos imigrantes – memórias & receitas

Marina Heck e Rosa Belluzzo

Cozinha dos imigrantes é um afresco da memória afetiva das experiências de integração de diferentes imigrantes ao cenário multicultural de São Paulo, temperada pela gastronomia. Eles vieram de diversas nações – Itália, Japão, Portugal, Espanha, Líbano, Síria, Alemanha, Hungria, Grécia, Iugoslávia, Áustria, Polônia, Bessarábia, Romênia, Rússia, Armênia, Egito – e guardam nas receitas culinárias um universo de reminiscências, evocação de personagens que ressurgem indissoluvelmente ligadas a celebrações coletivas e familiares, constituindo um instantâneo de suas culturas originais. Transcritos na forma de crônicas, os 31 depoimentos desvendam nuances diferentes da experiência imigratória, do lirismo ao drama político, da integração feliz à discriminação religiosa, Reunidas durante as entrevistas e rigorosamente conferidas em bibliografia especializada, as receitas reproduzidas no livro reafirmam o valor da culinária como arte e núcleo cultural significativo – além de serem uma homenagem explícita e apaixonada ao prazer da boa mesa.

344 páginas, no formato 21 x 21 cm

São Paulo, DBA / Melhoramentos.

À venda em livrarias.

Fazer a América

Boris Fausto (organizador)

O livro, que teve origem no seminário “Fazer a América”, realizado em agosto de 1993 pelo Memorial da América Latina, reúne estudos de especialistas brasileiros e estrangeiros sobre a imigração em massa para a América Latina. No entanto, a obra não reproduz os trabalhos apresentados naquela ocasião, mas sim um conjunto de novas contribuições, a partir do impulso gerado pelo encontro, produzidas por Fernando Devoto, Alicia Bernasconi, Carina Silberstein, Hernán Otero e Ignacio Klich (da Argentina); Giralda Seyferth, Roberto Grun, Zuleika Alvim, Célia Sakurai e Oswaldo Truzzi (do Brasil); Baldomero Estrada (do Chile); Elda Martínez e Jordi Maluquer de Motes (da Espanha); Herbert Klein (dos Estados Unidos); Luis Miguel Glave e Claudia Rosas Lauro (do Peru); Joaquim da Costa Leite (de Portugal); Carlos Zubillaga Barrera (doUruguai).

Dois temas centrais articulam os estudos: uma apreciação geral do fenômeno em países do continente e alguns ensaios sobre etnias imigrantes. É um trabalho pioneiro entre as pesquisas mais recentes sobre o fenômeno migratório nas últimas décadas do século XIX e as primeiras do século XX.  Boris Fausto, organizador, é professor de ciência política da Universidade de São Paulo, autor de Negócios e ócios (Histórias da imigração), A Revolução de 1930, Crime e cotidiano, entre outros e coordenador de um grupo de estudos sobre imigração no Instituto de Estudos Econômicos, Sociais e Políticos (Idesp), de São Paulo.

584 páginas no formato 18 x 25,5 cm

São Paulo, Edusp / Memorial.

À venda em livrarias.

Títulos esgotados

 

América Latina: Palavra, Literatura e Cultura

Ana Pizzarro (organizadora)

Trilogia em que pesquisadores de vários países realizam levantamento expressivo sobre o processo de formação da literatura latino-americana, desde o período colonial até os movimentos de vanguarda do século XX. O extenso trabalho, coordenado pela  professora chilena de literatura Ana Pizarro, constitui referência indispensável aos novos estudos literários e culturais.

Volume 1 (592 p.) / Vol. 2 (832 p.) / Vol. 3 (752 p.)

Arquitectura Neocolonial: América Latina, Caribe, Estados Unidos

Aracy Amaral (organizadora)

Profunda conhecedora do modernismo brasileiro, a historiadora e crítica de arte Aracy Amaral reúne nesta antologia autores latino-americanos que analisam o modismo na arquitetura e a busca de raízes nacionais. Publicado em espanhol, em co-edição com a Fondo de Cultura Económica, sucursal do Brasil, o livro tem abordagem inédita sobre um tema pouco estudado.

336 p. 195 fotos.

Ciência e tecnologia na América Latina

Antonio Carlos Bernardo e João Carlos Víctor Garcia (organizadores)

Além de reunir os artigos apresentados no “I Seminário Latino-Americano de Dirigentes de Organismos Nacionais de Ciência e Tecnologia”, realizado pelo Memorial em convênio com a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq ), o livro também registra os debates.

112 p.

Uma estratégia latino-americana para a Amazônia

Crodowaldo Pavan  (organizador)

Os três volumes desta série reproduzem na íntegra as palestras, depoimentos e documentos científicos debatidos em conferência internacional, promovida pelo Memorial da América Latina. Especialistas brasileiros e estrangeiros analisam em profundidade as questões da biodiversidade, dos recursos naturais, educação ambiental, desenvolvimento auto-sustentado, entre outros.

Volume 1 (352 p.) / Volume 2 (400 p.) / Volume 3 (352 p.)

Uma estratégia latino-americana para a Amazônia – Relatório-síntese e recomendações

Crodowaldo Pavan (organizador)

Resultado da reunião de onze grupos de trabalhos, este livro apresenta um diagnóstico dos grandes problemas da região amazônica, bem como um conjunto de recomendações para sua solução ou redução. As análises e propostas convergem para um elenco de possibilidades de desenvolvimento da região, universo ecológico muito especial.

120 p.

Grandes Metropolis de América Latina

Marina Heck (organizadora)

A progressiva desintegração do tecido social das metrópoles latino-americanas, vítimas do narcotráfico, da falta de saneamento básico, de transporte e habitação são alguns dos temas desta obra, publicada em espanhol, em co-edição com a Fondo de Cultura Económica, sucursal do Brasil. O livro é resultado de um seminário organizado pelo Memorial da América Latina.

320 p.

Modernidade: vanguardas artísticas na América Latina

Ana Maria de Moraes Belluzzo (organizadora)

Os doze ensaios da coletânea, organizada pela historiadora Ana Belluzzo reúnem nomes importantes do pensamento crítico contemporâneo, que analisam os múltiplos aspectos da modernidade nos países latino-americanos e a controvérsia sobre os movimentos de vanguardas artísticas a partir dos anos 20. Livro publicado pelo Memorial da América Latina em co-edição com a Editora Unesp.

320 p.

¿Y nosotras latinoamericanas? – Estudos sobre gênero e raça

Heloisa Buarque de Hollanda (organizadora)

A coletânea discute modelos de identidade sexual, sexualidade e etnicidade nas sociedades multiculturais latino-americanas, além de levantar a questão que hoje é impossível refletir sobre as relações de gênero desvinculadamente de uma preocupação explícita com as relações raciais. O seminário que deu origem ao livro foi realizado pelo Memorial, em conjunto com a Universidade Federal do Rio de Janeiro.

88 p.

 Para adquiri-los, dirija-se à área de publicações do Memorial da América Latina

(entre em contato com o setor de publicações do Memorial)

editor@memorial.sp.gov.br

*preços estimados. Verifique o preço e a disponibilidade com o setor de publicações deste Memorial. Os valores dos livros podem ser alterados sem aviso prévio ou atualização imediata dessa seção.

Publicações Memorial

e-mail: editor@memorial.sp.gov.br

fone: 3823-4600

Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 – ao lado da Estação Barra Funda do Metrô