Memorial da América Latina terá exibição de cinema ao ar livre

0

Cine Autorama retoma modelo de exibição de drive-ins das décadas de 40 e 50 e acontece dias 26, 27 e 28 de julho; programação gratuita traz longas como Bohemian Rhapsody, Lady Bird e O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

O Memorial da América Latina recebe nos dias 26, 27 e 28 de julho, o Cine Autorama, projeto de cinema ao ar livre que retoma o modelo de exibição de drive-ins das décadas de 40 e 50, em que as pessoas assistiam aos filmes no conforto dos seus carros. Com o tema “Acredite Nelas”, dando luz às questões sobre empoderamento feminino, a programação gratuita traz clássicos e sucessos recentes do cinema nacional e internacional, além de curtas-metragens.

A seleção traz o aclamado Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert; o clássico francês O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, de Jean-Pierre Jeunet; o mais recente sucesso sobre a vida do ex-vocalista do Queen, Freddie Mercury, Bohemian Rhapsody, de Bryan Singer; Lady Bird, da diretora Greta Gerwig; Gravidade, de Alfonso Cuarón; e o nacional Benzinho, de Gustavo Pizzi.

Serão realizadas duas sessões por dia e é necessário reservar os lugares no site do projeto. Em caso de lotação, haverá fila de espera. Em cada sessão também serão disponibilizados 40 assentos ao ar livre para pessoas que não dispõem de veículos. O áudio é transmitido através de uma estação de rádio FM, que pode ser sintonizada em smartphones.

O projeto

O Cine Autorama foi iniciado em 2015 e já realizou, ao todo, cerca de 130 eventos em 50 cidades, para um público superior a 20 mil pessoas. Com um pé na nostalgia e outro na modernidade, o Cine Autorama percorre o Brasil em uma van e é montado em espaços amplos que comportam entre 50 e 200 carros.

O projeto tem patrocínio da Uber, com apoio cultural do Memorial da América Latina, Shopping Continental, Governo do Estado de São Paulo, Sony, Universal, Paramount e Spcine, e realização Brazucah Produções, Pro-Mac (Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais), e Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

Confira a programação completa

Dia 26 de julho, sexta-feira
Primeira sessão
19h15 – Curta-metragem: As Minas do Rap (dir. Juliana Vicente)
19h30 – Que Horas Ela Volta?
Segunda sessão
22h – Curta-metragem: Lé Com Cré (dir. Cassandra Reis)
22h05 – O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

Dia 27 de julho, sábado
Primeira sessão
19h15 – Curta-metragem: Cores e Botas (dir. Juliana Vicente)
19h30 – Gravidade
Segunda sessão
22h – Curta-metragem: Travessia (dir. Safira Moreira)
22h05 – Bohemian Rhapsody

Dia 28 de julho, domingo
Primeira sessão
18h15 – Curta-metragem: Fofa (dir. Flora Pappalardo)
18h30 – Benzinho
Segunda sessão
21h – Curta-metragem: A Festa da Joana (dir. Vera Vasques e Kelly Spinelli)
21h10 – Lady Bird – A Hora de Voar

Sinopses dos longas

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (Direção: Jean-Pierre Jeunet / França)
Ano: 2002
Duração: 2h
Classificação: Livre
Sinopse: Após deixar a vida de subúrbio que levava com a família, a inocente Amélie (Audrey Tautou) muda-se para o bairro parisiense de Montmartre, onde começa a trabalhar como garçonete. Certo dia encontra uma caixa escondida no banheiro de sua casa e, pensando que pertencesse ao antigo morador, decide procurá-lo e é assim que encontra Dominique (Maurice Bénichou). Ao ver que ele chora de alegria ao reaver o seu objeto, a moça fica impressionada e adquire uma nova visão do mundo. Então, a partir de pequenos gestos, ela passa a ajudar as pessoas que a rodeiam, vendo nisto um novo sentido para sua existência. Contudo, ainda sente falta de um grande amor.

Bohemian Rhapsody (Direção: Bryan Singer / EUA)
Ano: 2018
Duração: 2h15
Classificação: 14 anos
Sinopse: Freddie Mercury (Rami Malek) e seus companheiros Brian May (Gwilyn Lee), Roger Taylor (Ben Hardy) e John Deacon (Joseph Mazzello) mudam o mundo da música para sempre ao formar a banda Queen, durante a década de 1970. Porém, quando o estilo de vida extravagante de Mercury começa a sair do controle, a banda tem que enfrentar o desafio de conciliar a fama e o sucesso com suas vidas pessoais cada vez mais complicadas.

Lady Bird – A Hora de Voar (Direção: Greta Gerwig / EUA)
Ano: 2018
Duração: 1h35
Classificação: 14 anos
Sinopse: Christine McPherson (Saoirse Ronan) está no último ano do ensino médio e o que mais deseja é ir fazer faculdade longe de Sacramento, Califórnia, ideia firmemente rejeitada por sua mãe (Laurie Metcalf). Lady Bird, como a garota de forte personalidade exige ser chamada, não se dá por vencida e leva o plano de ir embora adiante mesmo assim. Enquanto sua hora não chega, no entanto, ela se divide entre as obrigações estudantis no colégio católico, o primeiro namoro, típicos rituais de passagem para a vida adulta e inúmeros desentendimentos com a progenitora.

Que Horas Ela Volta? (Direção: Anna Muylaert / Brasil)
Ano: 2018
Duração: 1h52
Classificação: 12 anos
Sinopse: A pernambucana Val (Regina Casé) se mudou para São Paulo a fim de dar melhores condições de vida para sua filha Jéssica. Com muito receio, ela deixou a menina no interior de Pernambuco para ser babá de Fabinho, morando integralmente na casa de seus patrões. Treze anos depois, quando o menino (Michel Joelsas) vai prestar vestibular, Jéssica (Camila Márdila) lhe telefona, pedindo ajuda para ir a São Paulo, no intuito de prestar a mesma prova. Os chefes de Val recebem a menina de braços abertos, só que quando ela deixa de seguir certo protocolo, circulando livremente, como não deveria, a situação se complica.

Gravidade (Direção: Alfonso Cuarón / EUA)
Ano: 2013
Duração: 1h31
Classificação: 12 anos
Sinopse: Dra. Ryan Stone e o astronauta Matt Kowalsky trabalham juntos para sobreviver depois que um acidente os deixa completamente à deriva no espaço, sem ligação com a Terra e sem esperança de resgate.

Benzinho (Direção: Gustavo Pizzi / Brasil)
Ano: 2018
Duração: 1h35
Classificação: 12 anos
Sinopse: O primogênito de uma família de classe média é convidado para jogar handebol na Alemanha e lança sua mãe (Karine Teles) em uma espiral de sentimentos pois, além de ajudar a problemática irmã (Adriana Esteves), lidar com as instabilidades do marido (Otávio Müller) e se desdobrar para dar atenção ao seus outros filhos, ela terá de enfrentar sua partida antes de estar preparada para tal.

­­­­­­­­­­­­­­Serviço

Cine Autorama
Data: dias 26, 27 e 28 de julho
Horário: sexta e sábado, a partir das 19h15; domingo, a partir das 18h15
Onde: Praça Cívica | Portões 2 e 5
Classificação: Livre
Entrada gratuita
Inscrição e mais informações: www.cineautorama.com.br

Foto: Danilo Ramos

­­­­­­­­­­­­­­­­

Compartilhar.

Comentários encerrados.