Memorial lança livros sobre a América Latina que podem ser baixados gratuitamente

0

A coleção Pedagogia da Viagem, lançada pelo Centro Brasileiro de Estudos da América Latina, deste Memorial, está formando um singelo, mas incisivo, corpus de conhecimento sobre países da região que conhecemos apenas superficialmente. O CBEAL acaba de editar o livro eletrônico Pedagogia da Viagem: Peru e Bolívia, que já está disponível para baixar no catálogo on line da Biblioteca Latino-Americana. A obra foi lançada em abril, durante o seminário sobre o Programa Realidade Latino-Americana,  desenvolvido pela Unifesp em parceria com o Memorial.

No ano passado, a mesma coleção lançou o e-book Pedagogia da Viagem: Colômbia e Venezuela e o livro em papel Cuba no Século XXI: Dilemas da Revolução, este em parceria com a Editora Elefante (à venda nas principais livrarias). As próximas obras a ser editadas pela mesma coleção são Pedagogia da Viagem: Argentina e Chile, Pedagogia da Viagem: México e Realidade Latino-Americana (título provisório).

De caráter interdisciplinar, o Programa de Extensão Realidade Latino-Americana foi criado em 2015 no âmbito do Curso de Relações Internacionais da Unifesp. Desde o início é coordenado pelo professor de História Fabio Luis Barbosa Santos. O programa consiste em três fases: após se escolher o país a ser estudado, um grupo de alunos formandos em busca de um TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), jovens pesquisadores, bolsistas de iniciação científica, mestrandos, doutorandos e professores de outras universidades participam – na biblioteca do Memorial – de uma série de seminários, palestras, leituras orientadas e discussões sobre diversos aspectos do tema. É a preparação teórica para a imersão cultural.

Em seguida, a viagem. O grupo vai ao país e cumpre uma agenda extensa, que inclui entrevistas com pesquisadores, líderes de movimentos sociais, sindicalistas, dirigentes políticos e representantes de instituições especializadas. De volta ao Brasil, organiza-se no auditório da Biblioteca Latino-Americana um simpósio para se apresentar os resultados. Por fim, um livro é editado e publicado pelo Centro Brasileiro de Estudos da América Latina com a produção teórica dos pesquisadores viajantes. “Entregamos ao leitor um material de formação política e histórica, visando estimular o debate e a reflexão fraterna”, resume o professor Fabio Luis.

A participação do CBEAL no Programa de Extensão Realidade Latino-Americana se dá no bojo de um acordo entre o Memorial e a Unifesp. Assinado em 2016, ele prevê ações em conjunto na produção do conhecimento sobre a América Latina não só nas áreas de Política, Economia e Sociologia, mas também no campo das artes e do patrimônio cultural e imaterial. Alguns dos frutos já colhidos foram um interessante estudo da iconografia que originou a maquete da América Latina, de Gepp e Maia – que encanta adultos e crianças no Pavilhão da Criatividade – desenvolvido por alunos de História da Arte; e os livros digitais Imagens de um continente (disponível para ser baixado gratuitamente) no catálogo on line da biblioteca do Memorial, e Memórias Impossíveis (no prelo eletrônico, co-edição com a Editora URI-Frederico Westphalen). Ambos os projetos foram organizados pela professora Yanet Aguillera, da Unifesp.

Fomentar o conhecimento sobre o nosso subcontinente, apoiar sua divulgação e propiciar o surgimento de novos pesquisadores e pensadores da realidade latino-americana. Outra não é a função do Centro Brasileiro de Estudos da América Latina.

Leia texto do professor Fabio Luis Barbosa Santos sobre a origem deste  programa que combina formação teórica, elaboração coletiva e investigação de campo (Capítulo 2 do e-book Pedagogia da Viagem: Colômbia e Venezuela)

Por Eduardo Rascov

 

 

 

Compartilhar.

Comentários encerrados.