Violência doméstica é tema de mesa-redonda no Memorial

0

No mês das manifestações em torno do Dia Internacional da Mulher, o Auditório da Biblioteca Latino-Americana será palco de uma mesa redonda que discutirá um importante e presente tema da nossa sociedade: a violência doméstica.

A jornalista Mariana Kotscho, que também preside o Instituto Salto Seguro, será a mediadora do debate intitulado: “Violência Doméstica – até quando a sociedade será conivente?” no próximo domingo, 25 de março das 10h30 às 12h30.   

Como convidados do encontro, estarão presentes:

– Nathalie Malveiro, Promotora de Justiça do Enfrentamento à Violência Doméstica de São Paulo

– Ariel de Castro Alves, advogado

– Miguel Angelo Boarati, psiquiatra

– Ana Rosa Detilio, psicóloga

– Cintia Aleixo, psicóloga

A participação do debate é gratuita e a plateia poderá interagir com perguntas, depoimentos e esclarecimentos de dúvidas. Não há necessidade de inscrição prévia.

O debate “Violência Doméstica – até quando a sociedade será conivente?” é uma realização do Instituto Salto Seguro e do grupo de apoio do Facebook, Violência Doméstica. O encontro tem apoio cultural da Fundação Memorial da América Latina, Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo.

 

SERVIÇO:

Mesa Redonda: “Violência Doméstica: até quando a sociedade será conivente?”

Dia 25/3 – 10h30 às 12h30

Biblioteca Latino-Americana (portões 2 e 5)

Capacidade: 120 pessoas sentadas

Entrada Gratuita

Metrô Barra Funda

Compartilhar.

Comentários encerrados.