Memorial celebra a Festa do Cordel no mês em que comemora 29 anos

0

Banda de Pífanos “Fulô da Chica Boa” é uma das novidades desse ano

O cordel, manifestação popular presente em várias vertentes da cultura brasileira – está na literatura, nos quadrinhos, no cinema e na música – faz sua festa anual no Memorial da América Latina com vasta programação que será aberta ao público no dia 17 de março e traz como grande atração a Banda de Pífanos “Fulô da Chica Boa”, de Maceió.

A Feira do Cordel e da Cultura Popular tem agenda diária até o sábado seguinte, 24, na Biblioteca Latino-Americana, onde também haverá exposição com as mais recentes publicações de cordel na área editorial. A exposição fica aberta ao público até o dia 1º de abril.

Seguindo o mesmo padrão de organização desde que foi realizado pela primeira vez no Memorial, o evento abrange o que há de mais expressivo das tendências e linguagens do cordel, adaptando-as para o contexto atual da realidade brasileira.

A programação contempla atrações e atividades para iniciados ou simplesmente interessados pela narrativa do cordel em todas as suas imersões pela cultura popular oral, escrita e visual. Assim, as temáticas estão presentes nos saraus litero-musicais, na contação de histórias e causos, apresentações teatrais, no desafio de repentistas, na exposição de xilogravura e em palestras que atualizam o panorama do mercado editorial, a projeção do cordel nos meios coletivos de comunicação, sua influência nas áreas de educação, ambiental e sua utilização na era digital.

Confira, agende o passeio, traga a família e participe. É tudo de graça.

Programação

  • Dia 17 (sábado)
    17h – Abertura com a banda “Fulô da Chica Boa” (Maceió/AL)
    19h – Violeiro “Aldy  Carvalho” (Petrolina/PE)
    21h – Contador de causos “Eufra Modesto” (BA)
  • Dia 18 (domingo)
    10h – “A Arte de Jorge Mello” – cantor, músico, ator e memorialista
    11h – Lançamento do Cordel “Bandinha Fulô da Chica Boa”, de João Gomes de Sá, com a presença da Banda Pífanos “Fulô da Chica Boa”
    14h – Grupo “Máscaras de Teatro e Dança” (Guaranésia/MG)
    16h – Banda “DonaZé” (Guaranésia/MG)
  • Dia 20 (terça-feira)
    15h – Lançamento de Cordéis do poeta João Paulo Resplandes (Caiçara/MA)
  • Dia 21 (quarta-feira)
    14h – Palestra “Mulheres Cordelistas”, com Maria Psoa (Natal/RN)
  • Dia 22 (quinta-feira)
    10h – Lançamento de Cordéis
    14h – Palestra “O Cordel na Escola”, com Varneci Nascimento, Pedro Monteiro e João Gomes de Sá
    16h – “A Arte de Ibys Maceioh” – músico e compositor
  • Dia 23 (sexta-feira)
    15h – Lançamento do Cordel “O Velho Mágico e o Gato na Cartola”, de Cleusa Santo (cordelista e contadora de história)
  • Dia 24 (sábado)
    11h – Encontro com a poeta Socorro Lira (PB)
    13h – Lançamento de Cordéis
    14h – Oficina “A Técnica da Xilogravura”, com Nireuda Longobardi e Lucélia Pardim
    17h – Palestra “O Cordel na Cena Cultura Brasileira”, com Marco Haurélio (BA)
    19h – Show de encerramento com a banda “Cuca Monga” (SP)

    Exposição de Cordéis
    Abertura: 17 de março, às 10h
    Em cartaz até 1º de abril de 2018
    Visitações: todos os dias, das 9h às 18h
    Entrada gratuita
    Classificação livre

 Serviço
Feira do Cordel e da Cultura Popular
Data: De 17 a 24 de março de 2018
Local: Memorial da América Latina  – Biblioteca Latino-Americana
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Barra Funda
Acesso: Portões 1 e 5 (Praça Cívica)
Entrada Gratuita

Compartilhar.

Comentários encerrados.